Sobre mim

Meu interesse na geometria sagrada começou através de uma intensa experiência que tive em um lugar muito especial na cidade de Bukhara, em 1997.
Eu tive o prazer de estar em um grupo que viajou para o Usbekistão e Turquimenistão, e visitou mausoléus de mestres espirituais que ensinaram dentro da tradição Sufi . Eles eram conhecidos como os ” Khojagan ” ou os Mestres da Verdade. Eles estavam por trás da reconstrução do país , que teve lugar na época de Timurlane (1336-1405 ).

Nesse dia especial, eu me deitei no chão ao lado do túmulo de Bahauddin Naqshbandi e fiquei admirando a parte de baixo do teto, que era coberta  com formas geométricas coloridas esculpidas em madeira, em forma de estalactites, uma vista maravilhosa. A profusão de formas geometricas ordenadas e coloridas, a harmonia do todo prendeu toda a minha atencão e meus olhos nao conseguiam deixar aquela visão que me transportava para um outro nivel, um outro „mundo“. Depois de um certo tempo, uma profunda felicidade tomou conta do meu ser, um forte sentimento de conexão , de comunicação, de um sentimento de ” que algo falava comigo sem palavras ” . Era algo fora do meu controle , era como estar , tornando-se parte de um fluxo , sendo instruída e orientada para uma linguagem além das palavras. Eu poderia ter ficado lá por dias, nesse estado de profunda  conexão e alegria .

Logo depois que voltei fiquei morando por 6 meses em uma casinha de pedras naturais, muito simples, tendo apenas o basico, com a energia eletrica vindo de um painel fotovoltaico. Isto foi na Toscana, onde minha futura casa tinha que ser reconstruida.

 

Angelica

Durante o tempo que estive vivendo ali, foram 6 meses em 97, aconteceu algo interessante. Eu comecei acordar durante a noite e eu me sentia compelida a desenhar. Era um impulso muito forte. Eu desenhava sempre a mesma forma ou variações dela. Era uma forma geométrica. Pouco a pouco eu pude discernir um octógono interno  nesta forma – símbolo da transformação. Percebi também que as linhas combinadas do desenho representavam as letras árabes 7, 8, 6 dispostas em quatro direções.
O 786 no sistema Abjad – onde os números representam conceitos – é o “Bissmillah, Ar-Rahmann, Ar-Rahim” – “Em Nome de Deus, o Compassivo, o Misericordioso”.

[cml_media_alt id='356']simbolo 786[/cml_media_alt]
Esse reconhecimento me proporcionou um profundo sentimento de gratidão e de estar sendo guiada, me deu motivação para continuar.

Mais tarde fiquei sabendo que este desenho foi conhecido e utilizado na antiguidade e também que era o arauto da família de meu mestre sufi.

A minha atenção era também constantemente dirigida para as formas geométricas de flores silvestres – pentágonos, octógonos, espirais – e eu via confirmado o ditado – “A natureza é a linguagem de Deus”
Nos fins de semana eu viajava para Orvieto, Florença, Siena e visitava lugares especiais que tinham sido indicados pelo meu mestre, a maioria eram catedrais e pequenas igrejas antigas. Em todos esses lugares, descobri imagens, mosaicos, atè mesmo pedras de marmore esculpidas com formas geométricas. Na igreja mais antiga de Orvieto o altar é esculpido em forma geometrica, ilustrando um principio geometrico definido, o da raiz quadrada de dois.

[cml_media_alt id='354']altar san giovenale[/cml_media_alt]

Na antiguidade a “Raiz” era um simbolo para aquilo que esta “além da razão” – porque a diagonal de um quadrado é um numero que infinito. Esse numero representava para eles uma “ponte para o mundo invisivel”. Algo que nao podia ser representado por um valor numerico, mas podia ser representado  na forma, geometricamente. Esse conhecimento era parte de um ensinamento secreto e é muito interessante que um altar fosse esculpido nesta forma. Se se trata de uma simples coincidecia ou se se tratava de uma mensagem transmitida de forma secreta, cada um pode decidir por si mesmo.

Tirei muitas fotos e queria desenhar alguns dos desenhos, esculturas e pinturas que eu vi nas minhas viagens. Não era possível, eu não sabia como fazê-lo. Quase por acaso, comecei a ler livros sobre geometria sagrada – quase todos eles eram muito difíceis de compreender, cheio de expressões matemáticas. Era como se a base estivesse faltando – eu tive que aprender a base de todo aquele conhecimento sozinha. Levei quase quatro anos,  li um monte de livros – o meu conhecimento de outras 4 línguas me ajudou muito nesse empreendimento, também o fato de que eu morava nessa época em Wolfenbuettel – e podia ir para a Herzog August Bibliotek, fundada em 1572, onde os livros mais antigos do mundo podem ser encontrados. Após esse tempo eu tinha recolhido um monte de informações muito úteis e sentia necessidade de compartilhar o que tinha aprendido. A partir de todo esse material e experiencia criei um workshop que foi realizado no Brasil, Holanda, Alemanha e Espanha.
Com a mudança para a Itália, surgiram enormes desafios a serem enfrentados relacionados com o desenvolvimento da nossa pequena empresa na área de energia alternativa. Por esse motivo os workshops foram infelizmente interrompidos.

 

IMGP5790

ME SINTO ASSIM TAO FELIZ POR TER CHEGADO O MOMENTO DE COMPARTILHAR COM VOCE o que aprendi e ainda estou aprendendo sobre geometria sagrada, para mim o caminho perfeito para se experienciar a beleza do ser interior, a sabedoria e o milagre que são partes inerentes da vida. A via para se conectar com o poder que esta por trás de toda a criação.

Intuição e conexão verdadeiras, alegria e amor profundo são o que te desejo nesta aventura e também a minha sincera promessa a você.

“Novos órgãos de percepção surgem a partir da necessidade, assim que aumente a sua necessidade”  Rumi.

Com todo o meu amor,

cropped-Angelica2.jpg

Angelica

de_DE DE  en_GB EN  it_IT IT  

Contact

Angélica Fonseca K. mail@innerbeingbeauty.com

Share This